“A civilização consiste em dar a qualquer coisa um nome que lhe não compete, e depois sonhar sobre o resultado. E realmente o nome falso e o sonho verdadeiro criam uma nova realidade. O objecto torna-se realmente outro, porque o tornámos outro. Manufacturamos realidades.”

– Fernando Pessoa / Bernardo Soares

Fonte: PESSOA, Fernando. Autobiografia sem Factos. Assírio & Alvim, Lisboa, 2006. Página 89.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *