“Para nós, portanto, no princípio foi a existência e só mais tarde chegou o pensamento. E para nós, o presente, quando vimos ao mundo e nos desenvolvemos, começamos ainda por existir e só mais tarde pensamos.”

– António Damásio

Fonte: DAMÁSIO, António. O Erro de Descartes. Editora Companhia das Letras, 2004, ISBN 8571645302, 9788571645301, 336 páginas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *